Description

A própria história da Universidade está ligada a uma personalidade inovadora desde a sua génese. O centro original de investigação dos Correios de Portugal alojou-se por aqui, desenvolvendo as áreas de telecomunicações e impondo um ritmo de desenvolvimento que impulsionou a criação de empresas fornecedoras. Além disso, a ambição de reconfigurar Aveiro como uma cidade digital (Aveiro Digital 2003-2006) foi concretizada
em vários projetos que se assumiram como um motor do desenvolvimento social, económico e cultural, perspetivando a modernização dos serviços, bem como a aposta em qualificar as pessoas na região da Comunidade Intermunicipal da Região de Aveiro.
A intervenção estendeu-se à comunidade, na qual a internet se assumiu como veículo prioritário, criando-se espaços específicos de acesso e promoção das novas tecnologias; passando pelas Autarquias, escolas e comunidades educativas, Universidade, serviços de saúde e solidariedade, tecido produtivo, informação, cultura e lazer. Criaram-se infraestruturas e democratizou-se o acesso às novas tecnologias. Neste sentido, o Município de Aveiro orgulha-se de assumir que as tecnologias são transversais a toda a malha urbana e que sustentam, por isso, o objetivo de transformar a cidade num “living lab”.
Depois, o próprio Parque de Ciência e Inovação, contíguo à Universidade de Aveiro e situado na frente da Ria é um dos arautos daquela que é a marca evidente de inovação desta cidade
e desta região, com o intuito de transferir tecnologia. O objetivo desta estrutura orientada para a produção científica, tecnológica e educativa é, precisamente, promover, de forma estratégica e operacional, a inovação e o empreendedorismo, apostando em cinco áreas-chave da Universidade: energia, tecnologias da informação, comunicação e eletrónica, agro-industrial, materiais e mar. Desta forma, funciona como uma plataforma de acesso à região e às redes mundiais.
Nesta lógica de redes, basilar para os conceitos de inovação e empreendedorismo, o projeto Inova-Ria – Associação de Empresas para uma Rede de Inovação em Aveiro, uma entidade
sem fins lucrativos, assume um papel ativo e agregador, tendo como propósito a criação e consolidação de um cluster na área das Tecnologias de Informação, Comunicação e Eletrónica, com especial enfoque nas telecomunicações, centrado na Região de Aveiro. E é neste ecossistema de inovação formado por empresas, instituições de ensino e de Investigação e Desenvolvimento (I&D), na área das tecnologias de informação, comunicação e eletrónica da região de Aveiro, que se reúnem empresas de tecnologia intensiva, startups,
pequenas e médias empresas consolidadas e algumas empresas de grande dimensão.
Esta heterogeneidade tem um elevado potencial para a criatividade e competitividade empresarial, uma vez que através desta “Rede de Inovação” se desenvolvem estratégias colaborativas.

Contact